terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Um acordo que fizeram aí

O menino chegou bem confuso em casa, depois da explicação da professora sobre o novo acordo ortográfico.

- Mãe, por que não tem mais hímen?
- O que filho?! – pega de surpresa.
- É, você não tá sabendo que não tem mais hímen?!
- Como assim? – achando precoce a pergunta, mas tentando se recompor.
- Putz! Vou ter que explicar... Nem entendi direito.
- Filho, escuta. Ainda existe hímen sim...
- É, mas a professora falou que não é em todas que tem.
- A professora falou isso?
- É, a de português.
- Olha filho, não sei por que ela te falou isso, mas não é assunto da matéria dela e...
- Como não? Ela sempre fala essas coisas pra gente.
- Depois a mamãe vai conversar com ela. – já quase indo àquela hora mesmo.
- Não mãe! Ela vai pensar que eu sou burro!
- Acho que ela é que não bate bem...
- Ela disse que aqui no Brasil é tudo muito atrasado... Como assim mãe? Fora o ônibus, o que mais atrasa?
- E ela é moderna demais pro meu gosto. – já perdendo as estribeiras – Fala pra ela, que se há muito tempo ela não tem, é problema dela!
- Mas Ana-Clara tem hímen, mãe?
- Ora, claro que não menino! Ela já tem filho da tua idade...
- Ah tá... Ela deu pro Luis-Augusto?
- Que jeito de falar moleque! Pra quem ela de... Quer dizer, com quem ela perdeu, é problema dela...
- Coitada...
- Coitada por quê?
- Porque ela perdeu... Pensei que estava com o filho dela... O Luis Augusto...
- Filho! Homem não tem hímen!
- Êêêê... Isso eu sei mãe! Só quando homem não tiver o “h”, uma coisa assim...
- Não acredito nisso...
- É sim mãe. Ela falou que sem “h” pode até ter...
- Que mais ela falou, essa...?
- Por que você tá brava com ela mãe?
- Não to brava!
- Ah já sei.
- O que?
- O seu tinha e você também perdeu...
- Menino! Onde já se viu?! “Perder” é uma forma de falar... Mas não é exatamente isso.
- Caiu? Como outros pontos?
- Vou tirar você dessa escola é hoje mesmo!
- A professora não tem culpa... É um “Acordo” que fizeram aí...
- Acordo?! Que Acordo? Isso já é caso de polícia!
- Nossa mãe! Não sabia que o hímen era tão importante assim pra você...
- É sim!... Quer dizer, Foi! Foi sim. E todos deviam se importar com isso!
- A professora Ana-Clara... Ana Clara é legal. Só quer ajudar...
- Para!
- Ela disse que a gente só precisa... Como é mesmo?... Tomar cuidado onde... Acentar... É isso.
- Agora chega! Já pro teu quarto! Mal saiu das fraldas...

Não resolvido, o menino sai, mas de longe:
- Mãe... Falando nisso... Recém-nascido tem hímen né?

6 comentários:

Alice disse...

... sabe, venho ler-te e me encanto em suas palavras.

abraçosss

Anônimo disse...

esse só pode ser o joãozinho...

joão ali

Anônimo disse...

esse só pode ser o joãozinho...

joão ali

Anônimo disse...

desculpa o soluço,
mas o mundo virtual nos prega peças...

joão ali

Wilson Tonioli disse...

obrigado Alice, por sua ternura.

Ali, o que vc prefere, peças ou sermões?

Anônimo disse...

pergunta típica do halloween...

joão ali